Loading...

CAPAZ #5 - Fibrenamics Green e a transformação do lixo em novo

Com a industrialização cada vez mais presente nas sociedades contemporâneas, um dos mais reconhecidos desafios do século XXI é o do desperdício, o qual impõe a necessidade de abordarmos com cada vez maior responsabilidade as temáticas da economia circular e da reciclagem de desperdícios industriais. Como podem as indústrias fazer a transição para uma economia mais verde e sustentável e qual o papel dos governantes, da academia e da iniciativa privada nesta matéria? O convidado do TECMAIA para abordar estes assuntos foi Raúl Fangueiro, professor e investigador na Universidade do Minho, Diretor do Departamento de Engenharia Mecânica e do Centro de Tecnologia e Ciência Téxtil e também Head da Fibrenamics. Esta empresa, reconhecida pela Comissão Europeia como um caso de estudo, e de sucesso, nas vertentes da ecologia e da inovação, foi lançada com o apoio da CCDRN em 2016, fez parte do painel de finalistas do prémio REGIOSTARS na categoria de “Economia Circular para uma Europa Verde” em 2020 e está actualmente a desenvolver diversos projectos de dimensão regional com potencial impacto a nível nacional e até mesmo global. Nesta curta entrevista, o professor deixou-nos várias considerações acerca:

 

  • Da taxa de esforço nacional nos últimos anos para implementar mecanismos e planos, como o caso do Plano Quadro Horizonte Europa, a fim da transição para uma economia circular, em alinhamento com o Green Deal da União Europeia;
  • O equilíbrio entre as benesses de impacto ambiental da reciclagem e os custos de processamento dos desperdícios industriais assim como o papel da escolha do consumidor;
  • A visão e vontade políticas para o investimento na criação de projectos de grande escala, incontornáveis para a criação de emprego e riqueza que garantam o sucesso do círculo virtuoso da valorização e reutilização dos resíduos industriais;
  • O que é a “simbiose industrial” e como a interconexão entre diferentes sectores da indústria são fatores chave para a economia circular;
  • Projetos da Fibrenamics actualmente em marcha, cruzando diferentes sectores industriais como o exemplo dos resíduos diferenciados na extração de ardósias em Valongo ou a fibra do leite nos Açores para posterior aplicação na indústria do mobiliário;

 

O que é a Economia Circular?

Segundo o site eco.nomia, a Economia Circular é um conceito estratégico que assenta na redução, reutilização, recuperação e reciclagem de materiais e energia. Substituindo o conceito de fim-de-vida da economia linear, por novos fluxos circulares de reutilização, restauração e  renovação, num processo integrado, a Economia Circular é vista como um elemento chave para promover a dissociação entre o crescimento económico e o aumento no consumo de recursos, relação até aqui vista como inexorável.

 

Poderá ouvir a WebTalk em Spotify (link de acesso) ou em Anchor FM (link de acesso).